O Óleo de Argan

Muito se fala do óleo de argan e os milagres que ele faz pelos cabelos. São muitos os produtos, de diversas marcas, que têm esse composto em suas fórmulas. Entre eles estão os cremes para hidratação, shampoos, condicionadores, além do óleo de argan puro, que é vendido por algumas marcas. O óleo puro pode ser usado como finalizador de penteados, ou como reparador de pontas, diminuindo o frizz.

Como este nome está na moda, e a cada dia é mais procurado nos salões de beleza e casas de cosméticos, resolvi falar um pouco sobre ele: o que é, de onde é retirado, etc.

O Que é o Óleo de Argan e de Onde é Retirado

O óleo de argan é retirado das árvores Argania Spinosa. O óleo é extraído do fruto dessa árvore, que só cresce no deserto de Marrocos e tem vida muito longa, podendo viver até 200 anos.

oleo de argan

Óleo de argan, o ouro marroquino

A extração do óleo começou a muitos anos, quando as mulheres pegaram a semente deixada no chão pelas cabras marroquinas e experimentaram fazer uma pasta para usar nos cabelos e no corpo. As sementes eram cuspidas pelas cabras, que comiam os frutos. Segundo algumas pesquisas, são necessários 100 kg de sementes de argan para produzir apenas 1 litro do produto, isso explica porque o óleo tem um custo elevado.

O Que Têm as Sementes

As sementes da árvore de argan são ricas em vitaminas, antioxidantes e contêm benefícios que protegem os cabelos dos raios solares. O resultado é um cabelo saudável, bonito e brilhante. O óleo de argan tem tantas propriedades, que pode ser usado antes da coloração, da escova ou chapinha, diminuindo os danos aos cabelos.

O óleo de argan é considerado o ouro marroquino por todas as suas propriedades, e o melhor, pode ser usado em todos os tipos de cabelos.


Pesquisar
Custom Search
Mulher Esperta em seu email

2 Comentários em “O Óleo de Argan

  1. Lu Oliver disse em 12/11/2012 às 13:35:

    Meninas vai a dica para cabelos bem tratados

  2. Tuninho Tuninho disse em 12/11/2012 às 22:29:

    Explicação simples , objetiva e entendida . Valeu.

Deixe sua opinião “O Óleo de Argan