Câncer de mama masculino

Embora a ocorrência de câncer de mama em pessoas do sexo masculino seja menor do que em pessoas do sexo feminino, os homens também podem ser atingidos pela doença. Cerca de 1% dos casos de câncer de mama manifesta-se em homens, ou seja, a cada 100 casos de câncer de mama, 1 deles é masculino.

O câncer de mama é um tumor maligno que se desenvolve nas células do tecido mamário. As células cancerígenas podem ou se disseminar (metástase) para outros órgãos (o que é conhecido como metástase) ou invadir os tecidos adjacentes. Ao contrário do câncer de mama que se manifesta nas mulheres, infelizmente, não há como rastrear o câncer de mama quando ele se manifesta nos homens. Por esse motivo, na maioria das vezes, o diagnóstico é feito já em estágio avançado com base em alterações na mama notadas pelo próprio paciente.

Os fatores de risco que envolvem o câncer de mama masculino podem estar relacionados a fatores hereditários ou a mutações genéticas. Geralmente, os casos de câncer de mama em homens são diagnosticados dos 50 ao 70 anos, mas esse período pode variar. O autoexame é de extrema importância, seja você homem ou mulher. Quanto mais cedo for feito o diagnóstico, melhores serão as condições de tratamento.

Principais sintomas

Os principais sintomas que se manifestam quando o câncer de mama está presente em um homem são os seguintes:

  • Inchaço ou protuberância nas mamas, geralmente indolor (porém, a dor pode existir em alguns casos);
  • Pele enrugada ou ondulada;
  • Retração do mamilo;
  • Descamação da pele do mamilo ou da mama;
  • Vermelhidão na região;
  • Inchaço nos linfonodos das axilas.
Câncer de mama masculino

Homens, atenção: a cada 100 casos de câncer de mama, 1 deles é masculino

Entretanto, alguns desses sintomas, nem sempre, estão associados ao câncer de mama masculino. Alguns deles podem ter relação com a ginecomastia, por exemplo. Se você notar alguma alteração desse tipo, o mais indicado é procurar um especialista para fazer o diagnóstico correto.

Tratamento

Assim como o câncer de mama manifestado em mulheres, o tratamento do câncer de mama masculino também envolve um procedimento cirúrgico. Esse procedimento visa a retirada do tumor. A radioterapia é indicada para pacientes nos quais o tumor é maior que 4 cm e quando 3 ou mais linfonodos axilares estejam comprometidos. A quimioterapia é indicada em doenças metastáticas, ou seja, quando o tumor comprometeu outros órgãos.


Pesquisar
Custom Search
Mulher Esperta em seu email

Deixe sua opinião “Câncer de mama masculino